Webber Wentzel e Linklaters celebram 5 anos de uma aliança de sucesso

Em 2012, a Webber Wentzel e a Linklaters oficializaram uma aliança inovadora que celebra este mês o seu 5º aniversário.

The Alliance at a glance
0
Years together
0

Lawyers

0

Africa-related matters

0
Offices

Alliance Overview

Trata-se de uma aliança que oferece aos clientes uma combinação ímpar de conhecimentos jurídicos e cobertura geográfica, que nenhuma outra sociedade internacional ou da África do Sul oferece. É a única aliança entre sociedades de advogados que oferece um serviço completo e integrado nas principais jurisdições do continente africano (nos seus diversos sistemas legais: português, inglês/holandês, francês e islâmico), com 31 escritórios a apoiar clientes em todo o mundo, quer nos seus investimentos em África ou noutras jurisdições.

O sucesso desta aliança torna-se ainda mais evidente quando estão em causa os complexos assuntos relacionados com o nosso trabalho neste continente, sendo muitas vezes necessário encontrar uma solução à medida do tipo de relacionamento, competências e experiência. Desde a sua formação que esta aliança, que reúne mais de 1.000 advogados em 31 escritórios, já trabalhou em mais de 500 assuntos relacionados com África.

Juntas, as duas sociedades já assessoraram empresas em vários assuntos de M&A, como é o caso da assessoria à Woolworths, no âmbito da aquisição da David Jones (Austrália) por 23 milhões de ZAR (randes da África do Sul); à Al Noor Hospitals Group Plc, no contexto da fusão da Al Noor com a Mediclinic International Ltd; e em muitos outros investimentos estrangeiros em África, por parte de empresas de empresas cotadas no mercado imobiliário europeu.

A parceria entre a Webber Wentzel e a Linklaters acrescenta também valor às transações bancárias e aos projetos de financiamento no continente africano, onde os conhecimentos jurídicos da lei inglesa e norte-americana são fundamentais; como, por exemplo, no âmbito da assessoria no assunto da restruturação do African Bank Limited, na segunda curadoria do género nos termos da Lei dos Bancos da África do Sul – sem precedentes no continente em termos de escala.

Christo Els, Senior Partner da Webber Wentzel explica:

“Tendo trabalhado com a Linklaters durante mais de 40 anos antes de estabelecermos esta Aliança formal, estávamos confiantes de que os valores das nossas sociedades estavam alinhados e também seguros das oportunidades que a formalização desta parceria poderia trazer. Nos últimos cinco anos, investimos na nossa relação e construímos uma incrível plataforma estratégica para assegurar um serviço excecional, onde quer que os nossos clientes façam os seus negócios. Estamos orgulhosos daquilo que conseguimos alcançar com o estreitamento desta nossa parceria até à data, e entusiasmados com aquilo que ainda poderemos atingir durante os próximos anos”.

Charlie Jacobs, Chairman e Senior Partner da Linklaters, acrescenta:

Enquanto sul-africano, tenho uma forte ligação à nossa Aliança com a Webber Wentzel. A nossa visão há cinco anos atrás, quando formalizámos a Aliança, era a de oferecer aos clientes o melhor de dois mundos – oferta de um serviço completo e integrado prestado por uma sociedade internacional líder de mercado e pela melhor sociedade de advogados da África do Sul. À medida que os mercados e os nossos clientes foram evoluindo, também a flexibilidade desta parceria se tornou mais determinante do que nunca, permitindo-nos combinar e adaptar as nossas capacidades ao tipo de serviço que os nossos clientes esperam obter, tanto na África do Sul como nas diferentes jurisdições do continente africano, bem como em todo o mundo.

Mais sobre a Linklaters e Webber Wentzel

A Linklaters é uma sociedade de advogados global líder de mercado, que apoia e investe no futuro dos seus clientes em todo o mundo. Aliando os conhecimentos jurídicos a uma abordagem integrada e inovadora, tem vindo a assessorar os seus clientes nos diferentes mercados e contextos regulatórios em constante evolução, procurando encontrar oportunidades de negócio e minimizar riscos a nível global.

Com uma equipa de 5.200 pessoas, das quais quase metade são advogados, a Linklaters conta com uma rede de 29 escritórios em 20 países. De forma a oferecer aos seus clientes um serviço completo e eficiente, a sociedade está organizada em três áreas fundamentais: Corporate, Dispute Resolution e Finance and Projects, cada uma especializada nos diferentes sectores de atividade e áreas de prática.

A Webber Wentzel é uma das principais sociedades sul-africanas full service, que oferece aos seus clientes soluções inovadoras para os mais complexos problemas jurídicos e fiscais em toda a África subsariana. Com mais de 400 advogados, as suas competências multidisciplinares são consistentemente reconhecidas como práticas líderes de mercado segundo os principais diretórios legais e outros prémios. A aliança com a Linklaters, a associação com a ALN (Africa Legal Network) e a rede complementar de sociedades “best friend” por todo o continente africano oferecem aos clientes um tipo de apoio líder do mercado, onde quer que desenvolvam a sua atividade.

Mais sobre a Linklaters em África

A Linklaters e a Webber Wentzel contam com 40 anos de experiência a trabalhar em parceria em assuntos por todo o continente africano, graças à sua capacidade única para cobrir todos os principais sistemas legais através dos escritórios na África do Sul, Londres, Paris e Lisboa. Estes escritórios contam ainda com o apoio de especialistas no mercado africano, de outros escritórios da Linklaters na Europa, Ásia, Médio Oriente e Américas, permitindo à Aliança assessorar investidores internacionais em todo o continente, bem como empresas africanas que investem globalmente.

As duas sociedades são consistentemente reconhecidas pelo seu trabalho em África pelos principais diretórios legais. A Linklaters prestou recentemente assessoria aos promotores no âmbito do maior projeto de financiamento em África – financiamento de US $ 5 mil milhões do projeto Coral, para a liquefação de gás natural (LNG) em Moçambique, um projeto de cerca de US $ 40 mil milhões –, e ambas as sociedades assessoraram o Governo da África do Sul no maior programa de energia renovável do mundo, o Programa de Produção de Electricidade a partir de fontes Independentes de Energia Renovável (REIPP - Renewable Energy Independent Power Producer Programme), com uma capacidade total de 6.000 megawatts (MW).

Ao longo dos últimos seis anos, a Linklaters tem vindo a ser classificada em primeiro lugar pela Dealogic, nas categorias de Infrastructure e Project Finance em África. Ambas as sociedades estão classificadas em Band 1 pela Chambers & Partners (2017), em 26 categorias na África do Sul e por todo o continente africano (Africa-wide) – mais do que qualquer outra aliança ou sociedade no mundo.